Jovem Aprendiz Banco do Brasil

Jovem Aprendiz Banco do Brasil

O Programa de Jovem Aprendiz do Banco do Brasil tem como objetivo à preparação profissional dos adolescentes da rede pública e que pertencentes às famílias de baixa renda. Além disso, ajuda na formação como cidadão e no desenvolvimento pessoal e social no mercado de trabalho, aliando conhecimento básico do setor bancário a valores éticos e de responsabilidade socioambiental.

Mais de cinco mil adolescentes participam Jovem Aprendiz Banco do Brasil em todo o país, sendo que o primeiro projeto nesse quesito aconteceu na empresa em 1971. O programa está presente nos grandes centros e no interior do país.

O Programa Jovem Aprendiz do Banco do Brasil consiste numa carga horária total de 1.840 horas, divididas em 460h (25%) para aprendizagem teórica (capacitação) e 1.380h (75%) para a aprendizagem prática (atividades em serviço).

Quem pode Jovem Aprendiz do Banco do Brasil?

Para ser contratado, o jovem deve ter idade entre 15 a 15 anos e 10 meses, ter renda familiar de até meio salário mínimo regional per capita, preferencialmente de família beneficiada por programas sociais do Governo Federal. Ser aluno de escolas da rede pública, com boas notas e frequência regular e cursando, no mínimo, o oitavo ano do ensino fundamental.

O jovem tem somente dois anos de permanência no programa, sem renovação, com jornada diária de quatro horas, sendo quatro dias no Banco e um dia numa das Entidades Sem Fins Lucrativos. A carga horária total é de 1.840 horas, divididas em 1.380h de aprendizagem prática no Banco e 460h dedicadas à capacitação teórica (processo conduzido pela entidade que seleciona o aprendiz).

O jovem no BB é orientado por um funcionário especialmente preparado ser o mentor do aprendiz. O programa antevê avaliações periódicas para ambos e, este diagnóstico é essencial para avaliar a condução e evolução do processo de aprendizagem.

Benefícios do Jovem Aprendiz BB

Como Jovem Aprendiz do Banco do Brasil, o participante inserido no programa recebe um salário mínimo mensal, vale-transporte e vale-alimentação, 13º salário e férias que coincidam com o recesso escolar, seguro-saúde. E ainda, a empresa oferece um curso de orientação profissional e material auto-instrucional preparatório para a Seleção Externa do BB.

Além disso, o programa no BB segue à risca aos requisitos da Lei de Aprendizagem (Lei nº10.097/00), ao Decreto 5.598/05 e ao Estatuto da Criança e do Adolescente.

Como se inscrever 

As inscrições para a seleção para o Programa Jovem Aprendiz Banco do Brasil de 2015, estão abertas. O BB trabalha em parceria com diversas instituições que tem o papel de intermediar a mão-de-obra dos jovens, uma delas é o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE).

Para se inscrever, acesse: http://www.ciee.org.br/portal/institucional/mapa.asp, escolha o CIEE da sua região e se cadastre. E, para mais informações no site: http://www.bb.com.br/docs/pub/inst/dwn/Aprendiz.pdf.

Post Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.