Por que fazer concursos públicos?

Por que fazer concursos públicos?

 

Na hora de entrar de cabeça na preparação para um concurso público, pode bater uma insegurança sobre perseguir essa carreira. Afinal, antes de passar em uma prova, os candidatos têm que se dedicar à preparação através do estudo das matérias exigidas pelo edital e manter a convicção de que, mesmo que não se passe em uma prova, sempre haverá outras. Para garantir que você mantenha sempre sua motivação, separamos algumas razões pelas quais prestar um concurso público. Continue a ler e saiba mais.

Seleção democrática

Diferente de outros processos seletivos, a seleção para concursos não discrimina os candidatos por gênero, idade, religião, classe social ou características pessoas do indivíduo. Não há uma entrevista subjetiva, só é preciso ser aprovado. Isso também abre oportunidades para pessoas que procuram o primeiro emprego, já que nem sempre é exigida experiência, e também para trabalhadores mais velhos, que encontram dificuldade de inserção no mercado de trabalho.

Estabilidade empregatícia

O setor privado frequentemente passa por crises que requerem corte de funcionários, o que não acontece com funcionários públicos. As chances de demissão são pequenas, geralmente justificáveis por justa causa ou excedência em irregularidades. Diferente dos contratos do setor privado que tendem a durar pouco tempo, já que há grande rotatividade de colaboradores, um contrato para o serviço público costuma durar a vida toda de um candidato.

Bons salários

Diferente do setor privado, os salários iniciais do setor público costumam ser bem altos. Isso proporciona uma mudança definitiva na vida do servidor, que pode passar a fazer planos para o futuro tendo um salário que não segue as flutuações econômicas a todo mês.

Benefícios

Depende muito do cargo e da instituição, mas os benefícios garantem interesse de muitos. Vale transporte, plano de saúde, vale alimentação, auxílio creche e plano odontológico são alguns dos mais comuns a serem oferecidos.

Horário fixo

Funcionários públicos têm horário fixo para iniciar e terminar seu expediente, além de horário fixo para a alimentação.

Vagas para minorias sociais garantidas por lei

Certas minorias sociais, como deficientes ou negros, encontram muita dificuldade na ascensão social ou mesmo para conseguir um bom emprego no setor privado. No caso dos concursos públicos da União, uma lei sancionada em 2014 exige que 20% das vagas sejam reservadas para candidatos que se declaram negros ou pardos, e ainda um percentual mínimo de 5% e até 20% de vagas reservadas para deficientes. No Mato Grosso do Sul ainda existe uma cota de 3% para indígenas.

Trabalhe na sua área

Depois de terminar a graduação, pode ser difícil encontrar emprego na área de interesse. Além de existirem concursos para basicamente todas as graduações, existem outros que exigem apenas o ensino médio.

Aposentadoria

Funcionários públicos, ao se aposentarem, recebem o salário praticamente integral, apenas sem alguns benefícios, dependendo do município/estado onde estão. Com as discussões sobre a previdência ficando cada vez mais acaloradas e a possibilidade de se aposentar cedo ficando menor a cada momento, saber que é possível se aposentar com segurança é um fator importante.

Post Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.