Concurso Bombeiros de Goiás: Saiba tudo sobre o edital!

Concurso Bombeiros de Goiás: Saiba tudo sobre o edital!

Ter um emprego público é a ambição de muita gente, e isso se dá por vários motivos: Salários maiores que nas empresas privadas em algumas áreas, estabilidade financeira, aposentadoria integral, horários fixos, segurança (você só é demitido se cometer um erro muito grave e garante estabilidade após três anos na atividade), benefícios, entre outros.

Assim como você faz (ou deveria fazer) quando se candidata a uma vaga em empresa privada, você deve confrontar as suas competências e habilidades com o que é exigido no cargo público que você se sentiu atraído ao considerar todos os benefícios que uma carreira pública oferece. Assim como o empreendedorismo não é pra todo mundo, cargos mais burocráticos também não. Então, além de estudar o edital do concurso, vale tentar entender como vai ser a sua rotina, se for aprovado.

Se você considera ser um Bombeiro Militar, tem até o dia 07 de novembro para fazer a sua inscrição para o concurso de Bombeiros de Goiás, que atua em 38 cidades e mais 8 postos na cidade de Goiânia. São 290 vagas, sendo 250 vagas para soldado de 3ª classe e 40 para cadetes. Destas vagas, 10% são reservadas para mulheres, sendo 25 para soldado e 4 para cadete. O salário inicial é de R$1.500,00 para Soldado e de R$5.401,43 para Oficial. Além do subsídio, os candidatos incluídos/matriculados terão direito a Assistência Médica, Odontológica e Social do Corpo de Bombeiro Militar do Estado de Goiás.

Inscrições

Os interessados devem se inscrever entre os dias 3 de outubro a 7 de novembro, através do site da FUNRIO, banca organizadora responsável pelo certame (www.funrio.org.br). O edital também está disponível no site.

A taxa de inscrição é de R$110 para as vagas de soldado e R$140 para a prova de cadete.

Provas

O concurso terá quatro etapas: Provas de conhecimentos (objetiva e discursiva), avaliação física, avaliação médica, e uma avaliação de vida pregressa e investigação social. Todas as etapas tem o caráter eliminatório.

As provas objetivas estão previstas para acontecerem no dia 4 de dezembro para cadete e 11 de dezembro para soldado, de 14h às 18h, e serão compostas por 50 questões de múltipla escolha, sendo 15 questões de conhecimentos gerais e 35 questões de conhecimentos específicos de cada cargo.

Para ambos os cargos, a prova de conhecimentos gerais terá questões de Português, Realidade Étnica, Social, Histórica, Geográfica, Cultural, Política e Econômica do Estado de Goiás e do Brasil, Noções de Informática e Raciocínio Lógico.

Para soldados, são considerados conhecimentos específicos: Noções de Direito, Legislação Aplicada ao CBMGO e Noções de Atividades do Bombeiro Militar.

Para cadetes, os conhecimentos específicos serão: Física, Matemática, Química, Noções de Direito, Legislação Aplicada ao CBMGO e Noções de Atividades do Bombeiro Militar.

A prova de conhecimentos gerais terá peso 1, a de conhecimentos específicos terá peso 2 e a prova discursiva terá peso 15, para ambos os cargos.

Divulgação dos resultados

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no dia seguinte da prova, 05 e 12 de dezembro, respectivamente, e o resultado final das provas objetivas e discursivas será divulgado no dia 16 de janeiro de 2017.

O resultado final do concurso dia 20 de abril de 2017.

Validade do concurso

O concurso tem validade de oito meses, podendo ser prorrogado por mais oito meses por uma única vez, de acordo com as necessidades do Corpo de Bombeiros do Estado de Goiás.

O último concurso realizado pelo Corpo de Bombeiros do Estado de Goiás foi em 2010, quando foram oferecidas 2.200 vagas, sendo 2.000 vagas para soldados e 200 para cadete, com validade de dois anos.

Requisitos para participar do Concurso do Corpo de Bombeiros de Goiás

Os candidatos interessados devem ter entre 18 a 30 anos até a data final das inscrições (7 de novembro) para Soldado e ter até 32 para Oficiais, e ter altura mínima de 1,65m (homem) e 1,60 (mulher).

A maioria dos concursos públicos não tem idade máxima para a inscrição, mas para cargos militares é justificado pela natureza das atribuições do cargo a ser preenchido. Também não haverá reserva de vagas para portadores de deficiência, em razão da incompatibilidade para o exercício das atribuições do cargo. (Lei Estadual n. 14.715/04).

É exigido nível superior em qualquer área para as vagas de Soldado ou formação na área de saúde para as vagas de Cadete.

 

Post Comment